PT | EN | ES

Menú principal


Powered by <TEI:TOK>
Maarten Janssen, 2014-

Visualización por frase

[1826]. Carta de Agostinho Figueira, oficial comissariado em Estremoz, para João António dos Santos.

ResumenAgostinho Figueira escreve a João António dos Santos, irmão do rebelde José Guilherme, Capitão do Regimento de Infantaria 17, provavelmente usando um código. Aparentemente, informa-o apenas acerca do envio de certos objetos pertencentes a José Guilherme.
Autor(es) Agostinho Figueira
Destinatario(s) João António dos Santos            
Desde Portugal, Évora, Estremoz
Para Portugal, Elvas
Contexto

Após a morte de D. João VI (abril de 1826), D. Pedro outorgou a Carta Constitucional, iniciando-se um curto ciclo político liberal denominado Primeiro Cartismo (1826-1828). A situação política e militar interna era muito confusa, com a proliferação de grupos e fações, sucessivas remodelações governamentais e várias ações militares. Poucos dias depois do juramento da carta (31 de julho de 1826), tiveram início várias revoltas anticartistas, entre elas as que foram desencadeadas no Alentejo sob a liderança do Brigadeiro Magessi, que invadiu o território português a partir de Espanha e que contou com vários apoios locais. Tais apoios receberam a designação de «rebeldes espanhóis», que surge nestes documentos e se reporta a esses insurretos anticartistas, portugueses, que operavam a partir de Espanha. Este processo foi movido a Agostinho Figueira por suspeita de colaboração com os ditos "rebeldes espanhóis", nomeadamente com o Capitão do Regimento da Infantaria 17, José Guilherme, em conluio com Joaquim da Silva Zagalo, sargento do Regimento de Milícias de Vila Viçosa. A acusação baseou-se no facto de, na correspondência envolvendo os três indivíduos, se usarem pseudónimos nas fórmulas de endereço, estratégias de assinatura anónima, e caligrafia disfarçada. No processo faz-se referência a editais proibindo a correspondência com os anticartistas.

Soporte meia folha de papel dobrada escrita na primeira face e com sobrescrito na última.
Archivo Arquivo Nacional da Torre do Tombo
Repository Casa da Suplicação
Fondo Feitos Findos, Processos-Crime
Referencia archivística Letra A, Maço 42, Número 12, Caixa 86, Caderno 2, Fólios [4]r-[5]v
Transcripción Leonor Tavares
Revisión principal Cristina Albino
Contextualización Leonor Tavares
Normalización Ana Luísa Costa
Anotación POS Clara Pinto, Catarina Carvalheiro
Fecha de transcipción2007

Texto: -

Etiquetas:


[1]
Illmo Sr João Anto dos Stos
[2]
Falta pa a Remessa da carta incluza as pistolas, e o colete preto
[3]
tudo mais vai
[4]
Seu Vor e Servo Eu 8 de 8tbro

Text viewWordcloudFacsimile viewManuscript line viewPageflow viewSyntactic annotation