PT | EN | ES

Menu principal


Powered by <TEI:TOK>
Maarten Janssen, 2014-

Visualização das frases

[1820]. Carta anónima atribuída a António José Maltesinho, salteador, escrita a Francisco Alves Cachudo, lavrador.

Autor(es)

António José Maltezinho      

Destinatário(s)

Francisco Alves Cachudo                        

Resumo

O autor da carta ameaça de morte um lavrador para lhe conseguir extorquir dinheiro.

Texto: -

Etiquetas:


[1]
Amo
[2]
Esta cerve de dizer a Vmce q apronte corenta moedas de quatro mil outocentos
[3]
cenão lhe vou tirar a vida a caza mesmo
[4]
este dinheiro entregara a Joze Valerio pa quando ce lhe porcurar q esteja pronto
[5]
e dentro em tres dias
[6]
poz nos andamos vinte em huma em companhia
[7]
estou esperando por outra do porto de mais de cecenta homens
[8]
ande com quantos soldados quizer
[9]
o q quero este dinheiro na mão do Joze valerio
[10]
da o dinheiro
[11]
isto cem faltta
[12]
no dia quatero deste mes estivemos ao pe das paredes do Monte da pedra pa lhe tirar a vida
[13]
ce quizer viver mais alguns dias apronte esta conta
[14]
e a carta ha de vir com o dinheiro porq não queremos ce mostre em toda a parte
[15]
e cenão o seu genro
[16]
não ha mais q dizer
[17]
Antonio do Santos diabo

Representação em textoWordcloudRepresentação em facsímileManuscript line viewPageflow viewSyntactic annotation