PT | EN | ES

Menu principal


Powered by <TEI:TOK>
Maarten Janssen, 2014-

Visualização das frases

1594. Carta de João de Morais, pseudónimo de Francisco Rodrigues, mercador, para o primo, Rui Lopes Pinto, tratante.

Autor(es)

Francisco Rodrigues      

Destinatário(s)

Rui Lopes Pinto                        

Resumo

O autor dá instruções relativamente ao trato de açúcar.

Texto: -

Etiquetas:


[1]
Serei nesta breve por meo tpo dar lugar e tanbem porq tenho escrito a vm larguo por muitas vias de de q ate oje não tenho visto reposta
[2]
e se ma não tem Mandado me fara m mãodarma ho pro q se oferecer
[3]
aqui ha nova q sao vindos mtos navios do brazill
[4]
se o sor seu Irmão me mãodou a minha ẽcomẽda por Me fazer m q ho asuquere q me ouver mãodado me Mande q ho não quero la vender porq por estas ptes vall mais dro do q la se vende
[5]
e venha dirigido ha valhadolim a mẽdo lopes portuges pa que mo ẽtregue
[6]
e por via do sor seu cunhado anto d olvra me pode caminhar este asuquere q he façil
[7]
e se la estiver ainda meu filho avendo de vir pa qua vm lhe diga q ho dro q la tiver tragua ẽpreguado nelle
[8]
e seja branqo o milhor q achar
[9]
q eu não lho escrevo p me pareçer q esta carta o não achara ja la
[10]
mas estando vm lhe mostre esta e lhe diga q faça isto e traga o dro ẽpreguado asuquer e venha h abrãtes elle e dahy aluge bestas pa medina ou valhadolim
[11]
e de minhas lhe peça tanbẽ hũa carga de pimẽta a mel mẽdez sanches e ha traga q tanbẽ he qua boa mercadoria
[12]
e porq fiqo esperando cada dia recado de vm ds o tenha sua goarda e a todas suas cousas como pode
[13]
joana llopes se ẽcomẽda m da sra ma Ruiz
[14]
de sevilha a 28 de nro de 94.
[15]
primo e amigo de vm João de moraes
[16]
o meu dro me não mãdarão ẽpregado de sevilha de q me darão mta perda
[17]
ds seja muito louvado tudo q todas minhas cousas me soceda desta manra por meus pecados

Representação em textoWordcloudRepresentação em facsímileManuscript line viewPageflow viewSyntactic annotation