PT | EN | ES

Main Menu


Powered by <TEI:TOK>
Maarten Janssen, 2014-

Sentence view

1568. Carta de Gonçalo Nunes para a sua mulher, Guiomar Fernandes.

SummaryO autor aconselha a mulher, para que ele consiga ser solto, a fazer o que diz seu amigo Fernão Martins.
Author(s) Gonçalo Nunes
Addressee(s) Guiomar Fernandes            
From Portugal, Elvas
To S.l.
Context

O presente processo diz respeito a Diogo Nunes, identidade falsa que Gonçalo Nunes engendrou para tentar casar pela segunda vez em Elvas. Perante esta suspeita, o vigário de Elvas, António Pereira, em conjunto com os oficiais de justiça da cidade, moveu-lhe um auto do qual resultou uma carta comunicando às autoridades eclesiásticas de Évora os mencionados factos (PSCR0027). Junto a esta comunicação, seguiu também uma carta escrita pelo réu, prova do seu crime.

A presente carta foi escrita no verso de outra carta (PSCR0028).

Support uma folha de papel escrita em ambas as faces.
Archival Institution Arquivo Nacional da Torre do Tombo
Repository Tribunal do Santo Ofício
Collection Inquisição de Évora
Archival Reference Processo 5837
Folios 17v
Socio-Historical Keywords Tiago Machado de Castro
Transcription Tiago Machado de Castro
Main Revision Catarina Carvalheiro
Contextualization Tiago Machado de Castro
Standardization Raïssa Gillier
Transcription date2013

Text: -

Tags:


[1]
e asym lhe torne a Rogar ao snõr fernã miz que abasta faser d elle pay pa que me veja ssolto
[2]
desdigam ho que trouxe da beyra
[3]
e isto emcomẽdado a violãte frz e a seu marydo porque niso esta ho meu livramẽto e asy vos mãnda Rogar a omra da synquo chagas de noso ssnor jhus xpo
[4]
guymar frz que nỹguẽ vos isto ousa porque eu espero em ds de sempre oulhar por vos
[5]
e margaryda gllz lhe emcomẽdo outro tanto que deyxẽ de faser tudo o que lhe fernã miz diser porque bem sabe os meus trabalhos por que eu vym
[6]
e por aguora dyguo mais
[7]
e se vyerem a esta cidade venhã parvamẽte sem saberem o que prymeyro am de dyzer
[8]
e se vyerẽ saybam haonde esta mynha sogra pa que ella falem
[9]
e de voso marydo Dioguo Nuz

Text viewWordcloudFacsimile viewManuscript line viewPageflow viewSyntactic annotation