Corpus de Textos Antigos

Menu principal


Powered by <TEI:TOK>
Maarten Janssen, 2014-

M1008T1008

História de mui nobre Vespasiano

TitleHistória de mui nobre Vespasiano
AutorDesconhecido
EdiçãoMaria Inês Almeida
Tradução/RedacçãoTradução do castelhano. O poema em francês do séc.XII Vengeance de Nostre-Seigneur ou Histoire de la destruction de Jerusalem está na origem de prosificações levadas a cabo nos sécs. XIV e XV e que forneceram o arquétipo para as traduções ibéricas deste texto.
Data da Tradução/Redacção1496 (antes de)
TestemunhoLisboa, Valentim Fernandes, [1496?]. Biblioteca Nacional de Portugal, Inc. 571
Data do Testemunho1496
BITAGAPManid 1008, cnum 1008, Texid 1008
GéneroNovelística

O script do Java parece estar desligado, ou então houve um erro de comunicação. Ligue o script do Java para mais opções de representação.

índice   31r < Página 31v > 32r

em vosso poder nem em vossas maãos nẽ tome cousa que a my seja desonrra . e meteo a ponta da espada pollo meo do coraçã . e deyxou se cayr em çima dlla e passou lhe aas espadoas e logo cayo morto em terra . E qndo pilatus vio q el rey archileus era morto foy muy triste e yrado . e meteo se na çidade sem pedir liçẽça ao empador e ally fez gram doo polla morte d’el rey archileus E a outro dia pella manhaã pilatus fez ajũtar todollos canalleyroscanalleyros: erro por caualleyros. da çidade . e fez aly vijr a josep jafaria e barrabas seu mestre salla por tomar seu cõselho e disse . Senhores bem vedes vos q nos nos podemos teer ao emperador q ds nos tẽ esqueeçido . e nehũas viãdas teem nesta çidade porpor: erro por porque. nũca tal tribullaçõ foy e nehũa tal como esta . E respondeo josep e disse . Senhor em esto outro con

Guardar XMLDownload text