Corpus de Textos Antigos

Menu principal


Powered by <TEI:TOK>
Maarten Janssen, 2014-

M1008T1008

História de mui nobre Vespasiano

TitleHistória de mui nobre Vespasiano
AutorDesconhecido
EdiçãoMaria Inês Almeida
Tradução/RedacçãoTradução do castelhano. O poema em francês do séc.XII Vengeance de Nostre-Seigneur ou Histoire de la destruction de Jerusalem está na origem de prosificações levadas a cabo nos sécs. XIV e XV e que forneceram o arquétipo para as traduções ibéricas deste texto.
Data da Tradução/Redacção1496 (antes de)
TestemunhoLisboa, Valentim Fernandes, [1496?]. Biblioteca Nacional de Portugal, Inc. 571
Data do Testemunho1496
BITAGAPManid 1008, cnum 1008, Texid 1008
GéneroNovelística

O script do Java parece estar desligado, ou então houve um erro de comunicação. Ligue o script do Java para mais opções de representação.

índice   37v < Página 38r > 38v

q me digaaes q cousa he pmeter . E sam clemẽte lhe disse . Sehor bẽ vos deuees de lẽbrar q vos lhe pmetestes q tãto q vos fosseis saão e tornasseis de jherusalẽ e tomasseis vingãça da sua morte se a elle puuesse q tornasseis q logo vos bautizareis . pllo ql vos rogo senhor q cũpraaes por obra segundo pmetestes . Respõdeo o empador a sam clemẽte e disse . Amigo de ds eu vo llo outorgo . e rogo a ds q a seu prazer seja tudo . e logo fez aparelhar o q se auia mester . E sam clemẽte partio se do empador grãde prazer . porq auia acabado o empador E mãdou a seus clerig e mozinhos q aparelhassem suas fõtes do bautismo o mais hõrradamẽte q podessem porqnto o empadodoremperadodor: erro por emperador, devido à translineação ( emperado/dor). e seu filho titus se auiã de bautizar e todollos se caualleir . e depois todallas outras suas gẽtes . e elles tomarõ muy grãde prazer . e logo de feito aparelharõ as sontessontes: erro por fontes. muy hõrradamẽte . E a cabo de tres dias des q as fontes forõ aparelhadosaparelhados: erro por aparelhadas. sam clemẽte tornou ao empador e disse lhe . Sehor ja som as fontes aparelhadas rogo vos que nos vam a ygreja e bautizarees . e logo se forõ pa ygreja . e o ẽpador lhe disse . a prazer de ds seja feito .

¶Como se bauptizou o emperador e seu filho titus e seus caualleyros . Capitollo .xxv.

O Emperador e seu filho Titus forõ sam clemente a ygreja de sam symõ o justo . e ally sam clemẽte se aparelhou seus creligos . e começa


Guardar XMLDownload text