Corpus de Textos Antigos

Menu principal


Powered by <TEI:TOK>
Maarten Janssen, 2014-

M1008T1008

História de mui nobre Vespasiano

TitleHistória de mui nobre Vespasiano
AutorDesconhecido
EdiçãoMaria Inês Almeida
Tradução/RedacçãoTradução do castelhano. O poema em francês do séc.XII Vengeance de Nostre-Seigneur ou Histoire de la destruction de Jerusalem está na origem de prosificações levadas a cabo nos sécs. XIV e XV e que forneceram o arquétipo para as traduções ibéricas deste texto.
Data da Tradução/Redacção1496 (antes de)
TestemunhoLisboa, Valentim Fernandes, [1496?]. Biblioteca Nacional de Portugal, Inc. 571
Data do Testemunho1496
BITAGAPManid 1008, cnum 1008, Texid 1008
GéneroNovelística

O script do Java parece estar desligado, ou então houve um erro de comunicação. Ligue o script do Java para mais opções de representação.

índice   19v < Página 20r > 20v

nos dessemos ao empador para fazer sua voõtade . e mal aja quẽ vos outro cõselho der . E depois leuantou se barrabas mestre salla de pilat . o qual elle crija e disse . Sehor bẽ podees vos coheçer q o empador pode estar derrador desta çidade dous messes cõprid por mingoa da augoa que ha hy senõ vaã frumen . ou ao rio do diaboo q he hũa mea jornada aly onde se perderõ as duas çidades q auiã nome sodoma e gomorra . E he muyto longe a augoa para tanta multidom de gẽte . por q vos dou de conselho q vos defendaes e o desauiees e ajaes medo delle . mas faça quãto poder que bem sabees vos q el Rey herodes naquelle tpo q fez matar os jnnoçẽtes . nom ousou aquy de vijr . E por esta razom pilat e el Rey archileus e todos os outros q aly erã juntos louuarom muyto o cõselho el rey archileus : e outros caualeyros . e sobirom no muro per aquella parte ond o emperador esperaua polla reposta . E pilat respõdeo ao empador e disse . Senhor empador nom vos entregarey a çidade da maneyra q a vos demãdaes nẽ em outra maneyra . Mas se vos qserder eu vos darey boõ cõselho . q vos tornees pa roma . e qeyraes aq seer destroydo tãta gẽte : E guardae bem vossa terra q assy farey eu a esta . de vos e de tod meus jmigoos . E daq adiãte tẽde vos por desauiado d my . E d todos os da çidad . E qndo o ẽpador ouuio

Guardar XMLDownload text