Corpus de Textos Antigos

Menu principal


Powered by <TEI:TOK>
Maarten Janssen, 2014-

M1094T1078

Vida do Cativo Monge Confesso

TitleVida do Cativo Monge Confesso
AutorS.Jerónimo
EdiçãoCristina Sobral
Tradução/Redacção Tradução do latim: S.Jerónimo, De Malcho Captivo Monacho, c.390-391, PL 23, 55-62. Existe um testemunho do texto latino na Compilatio Valeriana transmitida pelo Alc. 367 (fls.39-42) mas faltam estudos que determinem se foi este o texto usado para a tradução.
Data da Tradução/Redacção1401-1416
TestemunhoBiblioteca Nacional de Portugal, Alc. 181, fls. 157v-161v.
Data do Testemunho1416
BITAGAPManid 1094, cnum 1096, Texid 1078
GéneroHagiografia

índice Página 157v > 158

Aquy se começa a uida do catiuo moge moge: erro por mõge. confeso.

Sam Jheronymo nos conta . e diz . que aquel que as scripturas bem ouue . as deue bem créér E seguir as boas obras .¶E porem uos dha el hũa partida de que falamos em ẽxenplo E ell diz que estaua em hũa ujla que era preto d’antiochia . a trinta mjlhas .¶Aquela ujla auja nome maromas . e era muj grande . Aly chegou a elle hũũ homẽ uelho que era muy treito per gram uelhiçe . E semelhou lhe que era muy achegado aa morte .¶Aquell uelho auja nome malcas malcas: acrescentado, pela mesma mão, na margem de dorso. . e bem semelhaua que era de sua natura . per linhaiẽ e per natura . hũa molher uelha e de muy grande Jdade . que estaua a par dele ¶Aquele muj uelho homẽ . e aquela muj uelha molher mantinhan se em esta gissa .¶Hiam muy bem aa igreia . e durauõ em ella mujto . e ouujam hi todas suas horas E faziam seruiço a nostro senhor . e mantynhan se muj bem .¶asi faziam aquelles uelhos sua ujda . e sua gram lediçe E Diz Sam Jheronjmo . e quando eu uy que uiuiam asy . pregũtei os que hi morauã como se asuarom asuarom: abreviado com a abreviatura da terminação latina –rum: asua4. . se per casamento se por amor . se pela uõõtade de deus . a que prouue de ujuer em tam sancta ujda E todos me diserom que eram muj sanctos homẽẽs e que faziam mujto seruiço a nostro senhor . E cõtarõ me deles . dise el sey quaees maraujlhas :.


Guardar XMLDownload text